Language | Idioma

English Spain

ENTREVISTA: NECROBIOTIC



Se existe uma banda que consegue representar o Death Metal brasileiro, essa banda se chama Necrobiotic. Comemorando os 20 anos de carreira, o quarteto divinopolitano (Flávio, Fabricio, Broka e Humberto) prepara o lançamento de mais um disco, o intitulado, ‘Death Metal Machine’, o segundo da carreira, sucessor de ‘Alive and Rotting’.
Novos ares
O novo álbum trará novas experiências para a banda, o disco contará com quatro faixas na língua-pátria, cinco em inglês, uma canção acústica e duas instrumentais. “Foi algo novo para nós, mas não surpreendente, somos uma banda de Death Metal, mas não escondemos nossas origens. Escuto muito outros estilos, dentro e fora do Metal, como: Doom Metal, um pouco de Thrash Metal, e até Jazz. Tentamos fazer com que a banda soasse como tudo isso, mas nunca perdendo o respeito e a admiração em ser do ‘estilo Necrobiotic’”. Conta o vocalista e guitarrista, Flávio Oliveira.
Produção
Death Metal Machine foi todo produzido pela banda, com destaque para o baixista, Fabrício. “Hoje é muito fácil montar um Home Studio, propus a ideia para a banda, e toparam. Foi melhor, pois pudemos trabalhar no disco com calma e do nosso jeito, o resultado ficou incrível!” Conta o baixista.
“Se existe algo ruim no disco, a culpa é nossa. Se existe algo bom, a culpa é nossa também. Fizemos do nosso jeito, Necrobiotic não é música para os outros, é música para nós, fazemos o que queremos, e eu me divirto muito com isso, e isso se reflete nas músicas”. Continua Flávio.
“Existem músicas muito antigas neste disco, não necessariamente inalteradas, mas temos faixas que foram criadas em 1996, ou em 2007, existiam alguns riffs, e trabalhamos em cima disso”. Conta Flávio Oliveira.
Religião
“O Necrobiotic é uma banda de ateus, e refletimos isto na nossa música, com certeza, uma pessoa religiosa ficará incomodada ao nos ouvir”. Afirma Flávio.
“Eles são o lado direito da força, nós somos o lado esquerdo, o lado da liberdade, mas a sociedade enxerga isto como algo malévolo. Somos a contracultura da religião, é isso que fazemos.” Continua.

Canções do novo álbum
“O disco é recheado de grandes músicas, é extremamente complicado escolher uma preferida ou uma pior, mas a canção ‘Apenas um Primata’, é uma que eu realmente gosto muito. Sobre uma canção que eu não goste muito, nenhuma. O disco é 100% (risos)”. Pontua o vocalista
 
Batendo Recordes
O novo disco promete bater alguns recordes do anterior, que foi lançado na Indonésia. “Estamos negociando para lançarmos em outros países, como a própria Indonésia, e desta vez nos Estados Unidos”. Revela Flávio Oliveira.
Alive and Rotting é um disco incrível, mas estamos mais maduros, acredito que Death Metal Machine irá superá-lo”. Afirma Fabrício.
“Entre ‘Alive and Rotting’ e ‘Death Metal Machine’? Sem dúvidas, ‘Death Metal Machine’. O Necrobiotic está melhor do que nunca”! Afirma Flávio Oliveira.
Lançamento
O disco ‘Death Metal Machine’ será lançado no início de Agosto, e estará disponível juntamente com todo o merchandising da banda na loja, Fator Rock, no Mix Shopping do Edifício Costa Rangel, em Divinópolis-MG.
#VamosMusicalizar




Anterior
Próximo »
0 Comentar